Meus amigos, eu os amo!

Muitas pessoas entram em nossa vida, por diversas maneiras..

Tenho amigos que conheci por telefone, depois de um acidente que sofri de carro (nada grave); Amigos que conheci no primeiro dia de aula no teatro;
Amigos que julguei ser 'esnobe' e depois me apaixonei pela sua humildade e simplicidade;
Tenho amigos que conheci no carnaval, numa viagem, num passeio, numa sala de cinema, amigos que conheci através de outras pessoas, que me apaixonei a primeira vista, que me cativaram aos poucos. que eu cativei ou ainda estou a cativar.
Aprendi, desde criança, que não importa o retorno se o que você pode oferecer é honesto e verdadeiro, e tenho praticado isso ao longo da vida. As vezes a solidão bate, uma vontade de recolhimento, momento de reflexão, e a amizade sempre fortalece, e eu posso garantir que uma palavra de conforto eu recebi e um sorriso eu ganhei.

Existem pessoas na minha vida pelas quais eu perco o sono, pelas quais eu me faço doar de corpo e alma, porque aprendi a amar assim, sendo toda sentimento. E aos poucos e venho percebendo que essas amizades, apesar de serem poucas, me fazem um bem enorme, elas me proporcionam amar, a sentir o prazer de estar em boas companhias.

Ao dia de hoje eu só tenho a agradecer por todas as vezes que precisei desabafar uma tristeza ou uma alegria, agradecer aos meus amigos pela sinceridade, pela honestidade. Graças a Deus eu nunca me desapontei com nenhum amigo que o tenha realmente me doado por inteiro. E que assim permaneça sempre...
                                                                                                                        Feliz dia do amigo!!!!

Boa tarde,
Bárbara Castro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça valer a pena!