Aprendi muito em 2012..

Passou!
Quando penso na velocidade eu descubro que passou como um raio, com ventanias e sinistras nuvens escuras encobrindo, por vezes, meus olhos. Mas eu sobrevivi com êxito, pode-se dizer. Não cumpri nem metade da minha meta ou sequer passei de fase, mas sobrevivi a um terremoto de emoções que nunca foram tão intensas. E diante de tantas obscuridades eu enxerguei a luz, eu brilhei por conta própria da maneira mais modesta e humilde. Tive fé em cada segundo dos meus dias, acreditei, vacilei, aprendi, ganhei, perdi, mas nunca desisti!
Foi assim 2012 para mim!!!

Normalmente o Ser Humano comemora somente após suas conquista... Final do ano parece diferente, porque não desejamos um Adeus ano velho e sim, Feliz Ano Novo! O que distorce totalmente nosso habitual. Eu teria muito mais prazer, e não seria a única, se comemorasse o final do ano pelo prazer incomensurável que foi viver 2012. Sei que todo mundo teve perdas, mas se sobrevivemos e estamos aqui nada seria mais justo que agradecer pelo aprendizado e conquistas! Mesmo que as perdas tenham sido dolorosas, saibamos sempre que Deus nunca permite que carreguemos um peso maior que nossas costas possam suportar. Ele sabe exatamente o que faz!

Então aproveitando este espaço eu quero agradecer por este ano de 2012, que apesar de não ter conquistado um bom emprego, eu tive a oportunidade de trabalhar em uma empresa muito querida onde conheci pessoas ótimas; Agradecer pela minha fé inabalável que influenciou muito minha vida este ano, agradecer a pessoas queridas que eu conheci ao longo desses 365 dias, pessoas que desejo levar para a vida inteira. Agradeço até aqueles que não deixaram boas lembranças, porque acredito sempre no quanto podemos ganhar com gestos, seja bom ou ruim. Sempre temos a possibilidade de aprender com o outro e suas atitudes, mesmo que o aprendizado seja em não cometer os mesmo erros que eles ou suas hipocrisias;
2012 foi um ano difícil, eu as vezes pensei que piraria com tantas emoções que não conseguia controlar, porque sou muito emotiva, mas aprendi a me amar, foi exatamente neste ano que aprendi o amor-próprio, o qual equilibra o ser humano. E hoje, amando esta pessoa aqui (eu) sei o quanto sou feliz e realizada em ser quem eu sou. Eu tenho qualidades que jamais imaginei possuir antes, eu sempre as tive comigo mas era incapaz de enxergar!
Não me acho a ' bolacha mais recheada do pacote' que fique bem claro! Só aprendi a gostar do meu jeitinho, e aprendi a enxergar minhas qualidades tanto quanto sempre enxerguei meus defeitos!

E para finalizar esse ano tão maravilhoso, eu QUERO AGRADECER A CADA PESSOA QUE CHEGOU EM 2012 COMIGO E TAMBÉM AS QUE EU CONHECI DURANTE O ANO!!!

Eu não sou rica financeiramente, mas conheci pessoas preciosas que me tornaram MILIONÁRIA!
OBRIGADA!

ADEUS ANO DE 2012, e obrigada meu Pai por estar presente na minha vida iluminando meu caminho!

Meu último beijo este ano aqui no blog, foi um prazer recebe-los aqui, e até amanhã!!!!
RUMO 2013 COM MUITA SABEDORIA!
Beijos,
Bárbara Castro.

Seja um leitor! Leia sem dor nem piedade..

Ontem eu estava escrevendo um post sobre o livro que acabara de ler e quando publiquei aqui no blog me veio uma ideia que, por enquanto, não passa de alguns rabiscos. Estou elaborando um projeto sobre a importância da leitura, mas isso possivelmente ocorrerá somente em 2013. (Risos)

Último dia do ano e eu não desejo muito falar sobre isso, Deus já sabe das minhas expectativas para 2013 e das frustações de 2012, só desejo a cada um de vocês o MELHOR ANO DE SUAS VIDAS!!!

Voltando a ideia do projeto, eu estou pensando em chamar dois amigos para me ajudar a transformar esses rabiscos em algo tentador o suficiente para cultivar leitores. Sei o quanto a leitura é importante para nossas vidas, podendo até motivar as pessoas mais próximas de nós, como é o meu caso!
Lembro que durante toda a minha vida, desde as primeiras sílabas eu sempre fui fascinada por livros e lia muito, até nos intervalos da escola. E uma amiga minha, nunca havia lido nenhum livro até ficar curiosa por um que eu estava lendo e rendeu-se aos encantos de Augusto Cury. Hoje, Camila é uma leitora assídua! Também tem o meu irmão, na verdade ele é filho do meu padrasto. Quando o conheci estava lendo um livro da Zíbia Gasparetto, um romance espírita muito querido e que o estimulou a lê-lo, e hoje meu irmão ler um livro atrás do outro. Então eu diria que ler é basicamente um bem querer que devemos dar a chance de possuir!

Ler um livro, uma revista, um gibi, jornal,.. O que importa é o mundo sendo desvendado pelas letras e suas magias inesgotáveis de nos emocionar. Eu acho incrível quando leio um livro que parece me jogar dentro de sua história e me tornar personagem principal. É assim que a leitura me fascina, tornando-me cada vez mais uma viciada em ler!

1. O primeiro passo para começar a ler é encontrar algo que o interesse o bastante;
2. Depois você deve persistir, porque nem sempre as histórias são prazerosas no início, o que nunca significará que serão assim durante todo o livro, o final poderá valer a pena;
3. Eu aconselho começar por aqueles de menor números de páginas, que torna-se mais agradáveis aos leitores 'preguiçosos' ou sonolentos. (Risos)

Ler não me dar sono, como muitos dizem, me dá insônia!!! Já virei noites lendo, porque simplesmente não conseguia parar, era algo tentador.
Ler também não empobrece a alma, aliás, enriquece muito novo vocabulário.
Um bom livro não precisa de autor famoso, apenas de sintonia com você e ele.
Nunca leia algo apenas por ler, torne-o parte da sua vida, aprendendo lições que eles ensinam e possibilitando coloca-las em prática.
E para finalizar, tente começar 2013 com um livro, não desista fácil, seja brasileiro!!! (Risos)

Boa noite amados e FELIZ ANO NOVO!!!
Beijos,
Bárbara Castro.

Presentes da vida - Emily Giffin - Leia

Ler é, sem dúvida, um prazer absoluto na minha opinião.. Amo o universo do livro e sou extremamente viciada no cheiro de suas páginas, no relevo de suas letras e no encanto de suas histórias.

Quando eu ganho um livro de presente eu lembro no sorriso e na alegria empolgante dos meninos ao ganharem um vídeo game, uma bicicleta ou algo que eles namoraram inúmeras vezes e desejavam ter. E foi assim que comecei a pensar em escrever hoje, porque eu GANHEI UM LIVRO DE PRESENTE DE NATAL!
Muitas pessoas jamais desejariam ganhar um livro de presente, talvez até tenho o hábito da leitura, mas ganhar um livro ao invés de uma roupa, sapato, uma carteira, enfim provavelmente decidiriam pelas outras opções. Eu sonho em ter na minha casa uma imensa biblioteca e poder apresentá-la aos meus amigos sabendo onde cada livro fica e seus respectivos conteúdos literários.
Foi nesse universo da leitura que eu cresci, abstraindo de cada leitura um ensinamento e tentando colocá-los em prática para assim formar minha personalidade... Ser quem eu sou!

Mas voltando ao presente que ganhei, porque um livro sim, é um verdadeiro presente.. Chama-se, coincidentemente, "Presentes da vida" e quem o escreveu foi Emily Giffin. Comecei-o a ler com muita empolgação pela frase que ele traz na capa: "Nem sempre o que queremos é o que realmente precisamos". E de fato o livro mostra esse drama meio paranoico que temos em turbulência de pensamentos.
Conta a história de Darcy, uma mulher de beleza extraordinária e gosto refinadíssimo a moda. Mas Darcy possui inúmeros defeitos e sua personalidade a qualifica com uma única frase: Ama-me ou odeia-me. Sem pudores em magoar, humilhar, ofender, Darcy consegue ser amada, admirada e invejada.
O livro conta como Darcy conseguiu superar o desafio da vida que é, aprender a desejar o que realmente precisamos! E não o que desejamos. Ela emociona com seu drama. O livro mostra a cura de cicatrizes, das mais profundas, como o perdão.

Leia-o se puder, e tente analisar o livro sob apenas uma frase: "Nem sempre o que queremos é o que realmente precisamos", evite julgar a personagem e seus atos, coloque-se no lugar dela e sinta suas emoções, suas frustações, sinta seus medos e angustias, e depois no final do livro tenha o prazer de sentir que aquela personagem faz parte da sua vida, porque foi em lágrimas que terminei suas últimas páginas, com emoção e alegria que festejei junto a incrível criação de Deus, o Ser Humano.

Estou, ainda, muito feliz pela leitura deste livro e espero que ainda encontre alguém que tenha sentido algo parecido que eu, porque acho que não estou maluca em chorar numa leitura, apesar de tê-lo lido enquanto passava por um momento sensível de ser mulher, TPM. (Risos)

Leia,
Ler é prazeroso, gratificante, enriquecedor, e abrange o nosso universo.
Tente pelos livros mais fininhos e procure sempre o que vai te prender a atenção, porque o universo do livro é extenso e pode também ser surpreendente; Aposte na leitura sempre!

Boa noite,
Beijos.
Bárbara Castro.

PS. Obrigada a meu amigo Marcel, pelo 'Presentes da Vida' . Eu amei..

Amor de outras vidas.

Eu acredito em reencarnação, acredito que temos a oportunidade de nos redimirmos dos erros passados. Há quem duvide ou critique, mas eu respeito a opinião alheia, porque é muito difícil encontrar nossa verdade baseado em fatos sob uma religião tão jovem.

Eu conheci uma pessoa há 7 anos, tinha 17 na ocasião e era uma tímida ao extremo. Então podemos imaginar a dificuldade de me relacionar com pessoas novas, ainda mais numa cidade totalmente nova. Essa pessoa é irmã do meu padrasto, e hoje a considero minha melhor amiga. Nossa relação foi crescendo com os anos, mas desde primeiro momento que a vi eu senti que não era por acaso.
Janaina é uma pessoa muito diferente de mim, temos qualidades diferentes e defeitos diferentes, além das opiniões. Ela é 15 anos mais velha que eu, mas muitas vezes por situações que já passamos na vida, eu me senti sua mãe e sofri como sofreria a sua mãe. Sei que essa relação é de outras vidas...

Fico muito emocionada em falar aqui do quanto estou feliz! As lágrimas correm pelo meu rosto em imaginar minha tia com um barrigão lindo daqui a alguns meses, elas está grávida!!!
No primeiro momento que eu soube fiquei em choque, não sei explicar o porquê, mas fiquei sem saber o que pensar. Entretanto, hoje ao vê-la pessoalmente, ao sentir seu abraço, seu sorriso e alegria, eu fiquei tão feliz, mas tão feliz que me emociono quando lembro. SOU EXTREMAMENTE APAIXONADA POR ESSA MAGIA DE GERAR UM FILHO, SOU LOUCAMENTE FASCINADA POR GRÁVIDAS! (E por ela principalmente! rs)

Tia Jana, além de ser parte da minha vida em tantas outras vidas, também é a segunda pessoa que mais amo nessa vida, eu a amo um pouco menos que a minha mãe, incondicionalmente!
Tivemos um ano (2012) diferente de todos os outros desde quando a conheci, nos magoamos uma com a outra, somos humanas e erramos ou não soubemos nos comunicar. Deus talvez tenha um propósito melhor para nossa amizade, acho que eu nunca soube direcionar da maneira mais correta meus sentimentos, são explosões. Então esse ano, eu parti meu coração ao decidi mudar, simplesmente tentei seguir um conselho. Estava esgotando a paciência da minha tia, eram telefonemas, visitas, e-mails, ...(Tadinha rs). Às vezes acho que só agora aprendi a amá-la, quando descobri que não preciso estar perto para inspirar os melhores sentimentos a ela.

Eu estou tão feliz pela sua gravidez, quero muito que chegue o momento de ver o rostinho desse anjinho, eu imagino que irei chorar cachoeiras! Porque tenho um elo com a minha tia muito forte!!!
Eu já me candidato a ser a fotógrafa oficial da grávida mais linda e da anjinho ou anjinho (ou gêmeos rs).
Eu também queria ser a madrinha, e brinco pedindo. Na verdade pedir para ser madrinha não é meu perfil, só serei se realmente estiver escrito e custo acreditar nessa possibilidade,  já sou muito honrada por amar essa pessoa antes mesmo de nascer! Será minha prima e vou ensiná-la a gostar de Ana Carolina, Queen, Roxetts, ler, fotografar, sorrir! Só as coisas boas da vida! (risos)

Só queria abrir meu coração, estava em choque outro dia e hoje estou em festa! Vou ganhar uma prima(o) e vou amá-la tanto quanto amo sua mãe!

Deus abençoes minha tia Jana, e ilumine sua vida.
Boa noite queridos e amados,
Beijos,
Bárbara Castro.

PS. O título do meu texto tem uma mensagem subliminar. (Persuasão subliminar)
(Risos)


Minha paixão, três amores, uma vida e um sorriso!

Escrever é meu passa tempo predileto, desde quando aprendi o mundo mágico das letras. Lembro das minhas primeiras redações, que normalmente terminavam com um desenho, porque além de escrever eu também sempre gostei de desenhar.

Eu era extremamente tímida na minha infância, morria de medo de abrir a boca, as pernas tremiam e suava frio de nervoso. Falar em público? Nem pensar! E escrever era uma fuga, fazia cartinhas quando não sabia olhar nos olhos das pessoas para falar o que sentia, e comecei praticando este meio com meus pais, então em todas as datas comemorativas lá estava eu com um envelopinho, normalmente, feito por mim e uma cartinha de muito amor.
E foi a parti disto que resolvi criar um blog, para escrever infinitamente sobre meus pensamentos e ideais. Sempre procurei as melhores palavras, porque me policio em nunca falar algo que venha machucar uma pessoa em momento sensível ou parecer vulgar, injusta, desrespeitosa.
Meu maior sonho é entrar aqui e perceber que, além das muitas visitas a minha página, há também inúmeros comentários de pessoas que tenham se identificado com o que escrevo ou que tenham gostado, e até mesmo comentários críticos de uma maneira negativa. Acho isso importante para meu crescimento pessoal.

Hoje eu costumo brincar dizendo que conquistei muitas amizades com a escrita, por ser uma maneira mais fácil de demonstrar meus sentimentos mais puro e verdadeiros. Entretanto, hoje meus textos não vêm mais com desenhos no final, eles podem vir acompanhados de fotografias (outra paixão), mas não é sempre.

Decidi, propositalmente, publicar três fotografias para reunir as três paixões que mais tenho em fazer arte; Escrever, Fotografar e desenhar. (Não se especifica nenhuma preferencia nesta ordem)

"Se existe um motivo certo para eu ser feliz, provavelmente eu o estou traindo com vários outros!"







 Esse desenho é o meu preferido, guarda-o na parede do meu quarto emoldurado. Normalmente dou nomes aos desenhos, mas este ganhou estas palavras, pela importância espiritual que ele tem.
"Tua obra, teu amor, teu sorriso, teu olhar... Tudo pode passar. Mas nunca o amor que tenho em mim, a sensação de um eterno sem fim. Vidas e vidas.." 


 
 
Esse desenho foi um presente que dei a minha tia,eu o tenho com muito carinho pela coragem que eu tive em desenhar YemanjáUm orixá tão respeito pela religião afro, uma religião que merece todo o respeito. Nome que ganhou não pratica em nenhuma novidade: "OdoYá"
 
 
 
Esse foi um dos primeiros, ainda na minha dificuldade de terminar um rosto, é inspirado na minha cantora preferida e o nome do desenho também."Eu tranco a porta".
 
 
 
Espero que tenham gostado dessa postagem, eu apareci aqui de surpresa, até para eu fiquei surpresa, porque ultimamente não tive boas ideias para escrever e isso me deixa muito triste. Mas enfim, estou feliz com a conclusão deste texto, onde consegui reunir minhas três paixões em uma só postagem.
 
Tenham uma excelente noite,
Beijos,
Bárbara Castro.

Não julgue para não ser julgado, AME!

Eu tenho paixões duradouras, das quais me orgulho e me engrandeço.
Paixões que enriquecem minha alma, o meu sentido da vida e a minha felicidade mais absoluta.
Tenho fascínio pela vida cigana, pelas cores e movimentos de suas danças, pelo calor e vibração de sua fogueira, e a alegria em seus olhares.
Ser cigano não é uma escolha, e sim um destino!

Nasci dentro de uma religião, fui católica e vivi um momento de muito aprendizado durante toda minha infância e adolescência, entretanto eu sinto o quanto meu fascínio e minha felicidade "grita" uma alma cigana, sou muito mais completa hoje, agora!

As pessoas, por meio de um estúpido PREconceito, intitulam uns aos outros através de suas escolhas sexuais, religiosas, esportivas, etc. Mas não conseguem percebem um palmo a sua frente, quando se faz julgar preconceituosamente o seu próximo. (Se acredita em Deus deveria ao máximo entender que julgar não é uma opção nossa!)

Hoje, frequento muito pouco a igreja católica, a última vez foi no sábado quando fui prestigiar a Crisma de uma amiga. E falo aqui, queira meus parentes ou não, que me sinto viva e grande quando tenho a oportunidade de frequentar uma casa espiritualizada que segue "três linhas", exotérica, kardecista, umbandista. São poucas as pessoas que serão capazes de entender o quanto isso me faz bem e me enriquece a alma, levando em conta o privilégio destas três linhas serem guiadas e muito bem exercidas pelo nosso querido e amado barô/zelador Juan Pablo (um homem digno de toda a minha admiração e todo o amor que posso dizer sentir por ele! Um ser de coragem, fidelidade, sábio, rico em qualidades, e além de tudo, lindo.. rs).

É isso aí, depois de ler isso aqui você poderia postar um comentário, falar do julgamento que fazem ao seu respeito, trocar uma ideia ou sei lá..
Só espero que, quem me conhece, não saia correndo por aí desesperados porque hoje eu decidi assumir publicamente e sem temor a felicidade de ser e compreender, cada dia mais, o que significa ser exotérica, umbandista, kardecista.
Se você não é e não curti pelo menos respeite tanto quanto respeito suas escolhas!!!

Que tenhamos luz em nosso caminho para aprendermos a compreender que as diferenças existem para serem respeitadas, que Deus nos abençoe com muita saúde, paz, amor, equilíbrio espiritual, emocional. E que possamos conquistar, a cada passo dessa jornada, um degrau para a mais absoluta perfeição! Porque Deus não nos dá essa vida para vivermos as dos outros, e sim para compreendermos a necessidade do respeito, da humildade e do amor ao próximo.

Boa tarde meus amados, espero que gostem!
Beijos,
Bárbara Castro.

PS. Um vídeo que fiz durante uma dança cigana lá no centro que frequento! Muito lindo a dança e a alegria que vibra no coração cada membro.

Ser amiga

Agora sou eu quem vou falar! Não quero que limites minhas palavras ou exagere os sentido delas...

Outro dia eu percebi o quanto sou negativa comigo mesma, quando custo a acreditar que fiz a coisa certa ou que seria capaz de fazer, no entanto sou extremamente positiva com os outros, quando acredito 100% na capacidade deles, não em todo mundo mas numa parcela chamada 'amiga'.
Sei que ultimamente isso tem sido meu maior defeito, tenho alimentado isso desde muito cedo quando já dizia que jamais gostaria de ter uma amiga como eu!
E só agora eu percebo quanto seria maravilhoso ter alguém exatamente como eu sou com meus amigos! Eu friso em dizer que não sou a amiga mais perfeita do mundo, mas até que nunca tive problemas com amizades.

Por que, em alguns momentos, eu duvido que eu seja uma pessoa que alguém gostaria de ter por perto?

Eu tenho mania de lembrar de alguém e em seguida, sem nenhum pudor, entrar em contato com a pessoa;
Gosto muito de escrever e normalmente me utilizo das redes sociais para demonstrar carinho, e faço isso sempre que lembro dela;
Não suporto a ideia de ver um amigo triste, então faço o (im)possível para reanimá-lo;
Insisto numa ideia quando no fundo do meu coração eu acreditar que aquilo fará bem a um amigo;
Amo presentar, que sejam pequenas lembranças, mas amo.
E sempre envio cartões que normalmente vêm gigantescos de tantas palavras;
Eu sou sincera com meus sentimentos, então se perceber que amo alguém eu simplesmente falo/demonstro;

Enfim, acho que juntando tudo isso eu sou uma amiga chiclete! Ou não?
Espero ter amigos por toda a vida..
Amigos que me façam viver a cada dia uma nova lição da vida, mas nunca sozinha.
Obrigada a cada um dos meus grandes, médios e pequenos amigos. No fundo são todos queridos da mesma forma.

E aos novos ou que virão, vocês terão que ter paciência comigo rsrs..

Boa noite!


Para um amor de outra vida..

Sinto as mãos tremerem, o corpo suar, o coração disparar. Não importa onde estejas, meu pensamento em você não deixa minha mente esquecer do teu sorriso aberto e teu olhar sincero. Sou como águia nesse céu imenso, sobrevoo a sensação dos teus abraços e o encanto dos teus beijos. Amor, eu o chamo assim, apenas Amor, voltas pra mim!!! (Às vezes no silêncio da noite pareço uma apaixonada e enlouquecida por um alguém de outra vida...) Boa noite meus queridos, que minha felicidade seja contagiosa!!! ;)