Meu dia

Ando tão preguiçosa ultimamente, hoje eu só resolvi aparecer por que estou curtindo um dia daqueles... Tive um pesadelo esta noite, e foi ele que tornou meu dia mais apreciativo, mais caloroso, mais amoroso. Sonhei que meu cachorrinho morria...e em sonhos eu desmanchava em lágrimas. Felizmente, quando acordei eu o vi, estava todo lindo e fofo como sempre. Eu o tenho por perto há mais de 2 anos, ele acordou a felicidade que dormia, e exautou a alegria aqui em casa. Hoje somos muito mais felizes por que o Fred transforma qualquer lágrima nossa e sorriso. O pesadelo abriu meus olhos para a imensidão de amor que eu possuo.

Sou apaixonada por este cãozinho, às vezes me pego olhando pra ele, com o pensamento longe, ou imaginando o que seria de mim, em casa sozinha, se ele não existisse. Eu realmente não tenho idéia da resposta, mas também não necessito ter, afinal quero sempre meu cachorrinho pertinho de mim.

Quando ele vai para o 'salão' se produzir e voltar mais cheirosinho, nós ficamos em casa e nos esquecemos que ele está ausente, e sem perceber chamamos por ele. Fred faz uma falta !

Então, estou passando rápido só para contar um pouco sobre o meu dia, que estava completamente planejado e que neste minuto acabo de descobri que não fiz nada dos planos, entretanto estou feliz da vida e tenho muito tempo para realizar tudo. A felicidade habita dentro de mim, neste minuto me sinto completa e realizada.

Obrigada Fred, obrigada mãe, obrigada minha pequena família, obrigada meus grande amigos, meus familiares, obrigada Ana Carolina (pela música no despertador), Antônio Villeroy (pela honra de lê-lo), obrigada à todos, meu dia não seria tão maravilhoso sem a participação de todos vocês, física ou emocionalmente, vocês fizeram meu dia.

Bjão a todos e fiquem com Deus.
Bárbara Pontes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça valer a pena!